Sobre a Sensualidade Feminina e a Auto-Estima

Quando falamos em Sensualidade Feminina falamos acima de tudo em sermos felizes, em gostarmos de ser mulheres... mulheres que se orgulham de si... com todas as suas oscilações emocionais e aprendizagens, mulheres que celebram os seus sorrisos e risos da mesma forma que celebram os seus choros e inseguranças.

 

Ser sensual é acima de tudo uma decisão de cultivar o amor-próprio diariamente. E isto começa com pequenos gestos diários de cuidado pessoal e valorização que vão desde a alimentação, à imagem, à realização pessoal e a todos aqueles que nos fazem querer viver cada dia como se fosse o último.... mesmo sabendo que existem tantos outros em que apenas nos apetece ficar a hibernar no sofá e a deliciarmo-nos com calorias extra calóricas que sabem tão bem!!!

 

Claro que existe uma sensualidade inata em muito do que nos rodeia, e muitas mulheres são de forma muito natural e inata sensuais em si... apenas o são de uma forma muito natural e sem grande esforço. Estes são exatamente dois dos requisitos fundamentais quando falamos em sensualidade, naturalidade e ausência de esforço.
Não vale a pena forçarmos a sensualidade porque ela não se irá manifestar dessa forma. Se a sensualidade está igualmente no ato de cuidar diariamente de nós apenas porque sabemos que temos direito ao melhor da vida e gostamos de tudo o que a energia feminina envolve, então podemos começar com pequenos gestos como cuidar da nossa pele, do nosso cabelo, da nossa postura, da nossa imagem, da nossa valorização e realização pessoal.

Porque não solicitar a ajuda de uma consultora de imagem para percebermos quais as roupas que mais nos favorecem não negligenciando claro o nosso próprio gosto e opinião pessoal? Porque não um corte de cabelo que favoreça mais o nosso rosto? Cuidar diariamente da nossa pele e aprender a valorizar o que temos de melhor?

 

Aqui ficam algumas e dicas e sugestões:

- Decida ser a sua melhor amiga e cuidar o melhor de si todos os dias;
- Olhe-se ao espelho de manhã e pergunte-se: "O que posso fazer hoje para cuidar de mim, sentir-me bem e tirar algum prazer do meu dia?"
- Escolha uma roupa com a qual se sinta bem e bonita, principalmente nos dias em que se sente com a sua auto-estima em baixo. Quanto menos cuidar de si menos energia, otimismo e motivação conseguirá.
- Invista em todos os detalhes do seu ser e da sua energia feminina, cuide diariamente da sua pele, do seu cabelo... experimente vestir uma lingerie sexy ou realçar o seu rosto com uma maquilhagem... não precisa de despender muito tempo para o fazer, basta sentir que está a cuidar um pouco de si porque assim o merece.
- Todas nós temos dias em que não nos sentimos propriamente no auge da felicidade ou do entusiasmo pela vida. Dê-se a si própria um desconto nestas alturas e reafirme a si própria que não é por isso que deixa de ser maravilhosa. Valorize-se pelas suas qualidades e por tudo o que tem de bom.
- Invista numa atividade/exercício físico que goste. Cuidar do corpo faz-nos sentir bem, é indispensável para a nossa saúde, contribui para que nos sintamos mais femininas e consegue ser uma excelente estratégia para lidarmos com a ansiedade e o stress diários. 
- Experimente ser mais ousada e utilizar algumas ferramentas de sedução com o seu companheiro(a). Procure explorar a sua expressão corporal mais feminina e sexy em frente a um espelho, por exemplo, soltando o seu corpo ao som de uma música sensual, ensaiando uma coreografia de sedução... se sentir que é demasiado tímida ou pouco confiante para o efeito peça ajuda, invista em aulas de dança ou cursos de sensualidade feminina.

 

É claro muito importante afastarmos o conceito de perfeccionismo pois ele é absolutamente utópico... a beleza e a sensualidade estão no inesperado, na constante mudança, no decidirmos ser felizes acima de tudo.

E porque somos seres relacionais é inevitável que tudo o que somos se reflita nas relações que temos, nas nossas dimensões social, familiar, profissional e amorosa.

A Sensualidade poderá ser uma ótima forma de incluirmos uma maior sedução, erotismo e satisfação pessoal na nossa vida amorosa e sexual. Brincar com o erotismo e com a sedução de uma forma muito natural, sem tabus e preconceitos pode contribuir para uma sexualidade e para uma vivência amorosa muito mais plena.

A energia feminina é sedutora na sua essência e deseja poder expressar essa sedução e sensualidade de forma natural. Faça-o em primeiro lugar por si e para si, pelo simples prazer de ser mulher.

 

E porque para além de seres relacionais, somos igualmente seres multidimensionais, uma confiança pessoal e uma autoestima sólidas resultam acima de tudo de uma postura positiva e pró-ativa perante a vida, de confiarmos nos nossos recursos e aptidões, da recetividade em aprender mesmo depois de vários erros, de evitar a procrastinação e seguir em frente enfrentando os nossos medos.

O que é que nos faz feliz? Esta deverá ser a nossa questão principal.

Como alcançar essa felicidade? Este deverá ser o nosso caminho diário.

 

Sofia Rodrigues: Psicóloga Clinica/Psicoterapeuta Individual e de Casal/Formadora
www.sofiarodrigues.pt

EM DESTAQUE
A capacidade de afirmação e defesa na sustentabilidade do Amor-Próprio!